Pessoas do mundo inteiro se emocionam com cachorro chorando

Cachorro chora após ser abandonado com tigela favorita

O ocorrido aconteceu no início do ano, na estação inglesa de Eastbourne. Em uma tarde fria  e com muita chuva, abandonaram um cachorro da raça Staffordshire Bull Terrier na frente da estação pelo próprio tutor que após acorrentá-lo e deixar apenas a sua tigela favorita, entrou no táxi e foi embora, revela o Daily Mail. Acorrentado e se sentindo muito sozinho e triste, foi visto a chorar, com lágrimas a escorrerem pelo seu focinho.

Leia mais: História emocionante de um cãozinho velhinho à procura de um lar!

foto-cachorro-abandonado-inglaterra-tigela-aguaTodas as pessoas que passavam por lá, se sensibilizaram com o ocorrido e chamaram a associação protetora dos animais para que ele possa encontrar um novo lar. O sofrimento do cachorro tornou-se viral nas redes sociais. A foto do cão chorando e das suas lágrimas escorrendo pelo focinho foram compartilhadas milhares de vezes, como forma de protesto e revolta contra a atitude do tutor e das pessoas que cometem esse crime.

No início desse ano, na Escócia foi abandonado outro cão da raça Shar-Pei, e ao seu lado, continha uma mala com a sua almofada preferida, uma tigela e seu brinquedo preferido.

fotos-imagens-adestramento-de-caes-dog-walkerAs desculpas são as mais esfarrapadas possíveis. O fato é que é inaceitável o abandono de animais domésticos, nativos ou exóticos. Nem os animais de circo escapam, pois os proprietários desses circos alegam dificuldades financeiras para alimentá-los. Também é grande o número de abandono de animais sazonais ou da “moda” como coelhos e mini coelhos, que são muito comercializados na época da Páscoa e outros animais nativos e exóticos como cobras, iguanas, tartarugas e outros) que após crescerem, os animais são abandonados.

Leia mais: Conheça a verdadeira história de Hachiko, o cão mais leal do mundo!

De acordo com uma estatística da Associação Protetora de Animais São Francisco de Assis (APASFA) o aumento do abandono de animais ocorre nos meses das férias escolares, no período de dezembro a janeiro. A quantidade de animais abandonados cresce em média 1000 %, com 50 denúncias diárias de maus tratos e abandono de animais em todo o território nacional. Durante os outros meses do ano, a média de denúncia é de 5 ao mês. Isso porque as famílias viajam e não têm com quem deixar o bicho, absurdamente preferindo abandonar.

O centro de zoonoses de São Paulo não recolhe nem sacrifica mais animais, (o que era feito até 2008), por força de uma lei adotada também por outros estados brasileiros – Lei 12.916/08 – proíbe a matança indiscriminada de cães e gatos em todos os centros de controle de zoonoses, canis municipais e congêneres do estado de São Paulo.

adestramento-de-caes-em-sao-pauloE a população de animais em situação de rua cresce, sendo que seu número não é oficial nem preciso. Estima-se que há 200000 cães e gatos em São Paulo capital – outras fontes dão esse número em torno de 1 milhão. Segundo o jornal “O Estado de São Paulo”, a Secretaria Municipal da Saúde não sabe precisar o número de animais em situação de rua atualmente em São Paulo. No Rio de Janeiro, de acordo com Nini Bandeira, assessora da diretoria da “Sociedade União Internacional Protetora dos Animais” (“Suipa”), no Rio de Janeiro, cerca de 40 animais, entre cães e gatos, são abandonados por dia na cidade. “O abandono é muito grande. Além dos que são deixados aqui na Suipa, nós ainda fazemos o resgate de animais atropelados nas ruas, que variam de 8 a 10 diariamente. Aqui eles são cuidados e preparados para a futura adoção”.

Leia mais: Doação de um cachorro abandonado emocionante!

  • A pena prevista pelo Art. 32 da Lei de Crime Ambientais é de detenção de 3 meses a 1 ano e multa.
  • A pena prevista pelo Art. 164 do Código Penal é de detenção, de 15 (quinze) dias a 6 (seis) meses, ou multa.

É de estarrecer os motivos alegados para o abandono de animais. São banais e sem sentido. Essa estatística é da Revista veterinária “Journal of Applied Animal Welfare Science” – Pesquisa feita nos EUA em 12 abrigos, envolvendo 1984 cães e 1286 gatos. As somas passam de 100% porque um criminoso pode ter alegado mais de um motivo para abandonar seu animal (revista da Folha de 7 de janeiro de 2007).

causas-de-abandono-porcentagem-caes-gatosComo denunciar um caso de abandono:

Fonte: Notícias ao minuto (Portugal) e Anda.jor.br

fotos-imagens-pet-shop-banho-tosa fotos-imagens-clinica-veterinaria-veterinarios
fotos-imagens-adestramento-de-caes fotos-imagens-dog-walker-passeadores
compartilhar-okamix adestramento-de-caes

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s